22/04/2019

carros testados e avaliados

Você tem curiosidade de saber quanto seu carro custa por cada quilômetro que você roda com ele?

 

Um carro pode ser ou não uma fonte de prazer pois depende de uma série de fatores como potência, tamanho, design, estilo, preço, entre outros.  Se não podemos determinar com precisão se o carro é ou não uma fonte de prazer com certeza podemos afirmar que tudo tem um custo e um veículo é um poço profundo de gastos.

 

Mesmo sem rodar um único quilômetro sequer ele produz gastos, IPVA, licenciamento e seguro por exemplo, esses vencem todo ano independente da utilização do veículo, entretanto existe coisa pior. Existe um outro gasto que dependendo do veículo chega a ser um gasto tão alto quanto o custo com combustível, é como se a cada tanque de combustível consumido o carro consumisse outro e o pior de tudo na maioria das vezes sem a percepção por parte do proprietário, afinal podemos classificar esse gasto como invisível pois o proprietário nem percebe que está gastando e apenas se dará conta dele na hora de vender o veículo no mercado de seminovos ou usados, é a desvalorização.

 

A desvalorização pode representar 35% ou mais dos gastos totais de um veículo. E como gastos totais estamos considerando todos os custos provenientes de peças, mão de obra, revisões, impostos, combustível, entre outros, todos atualizados pelo índice oficial da poupança que é o investimento mais popular e de fácil acesso a todos os brasileiros. Essa atualização é necessária para atualizar um gasto efetuado a 2 anos atrás em um carro com 5 anos de uso hoje por exemplo, é necessário utilizar-se de algum índice de atualização para que os cálculos representem fielmente o valor real do total gasto. Outra opção seria atualizar os gastos pelo índice oficial de inflação, mas a questão é que não existe uma aplicação popular que remunere ao investidor integralmente o índice de inflação, mas no futuro caso algum leitor do nosso site queira poderemos criar uma ferramenta que proporcionará a atualização dos gastos pela inflação.

 

Bem, mas como calcular tudo isso e saber exatamente qual é o Custo por Quilômetro Rodado de um veículo?

Para determinar com exatidão, nós do site Avalia Carros apresentamos aos nossos leitores a fórmula GQR do Gasto por Quilômetro Rodado, uma fórmula básica que iremos dividir em 3 partes para que sejam melhor entendidas, vejamos:

 

GQRM – Esse é o Gasto por Quilômetro Rodado Mínimo que contempla apenas a desvalorização do veículo e os custos fixos, ou seja, todas as despesas que você terá independente da utilização ou não do veículo somados ao Custo de Oportunidade.

 

Custo de Oportunidade é o que você deixa de ganhar se o dinheiro que você gastou com o carro estivesse aplicado em alguma aplicação financeira ou simplesmente a atualização desse mesmo valor pelo índice oficial de inflação ou qualquer outro que o valha.

 
GQRE – Esse é o Gasto por Quilômetro Rodado Efetivo que inclui além da desvalorização do veículo e os custos fixos do GQRM acima, os gastos com combustível e manutenção, custos esses que dependem diretamente da utilização do veículo novamente somados ao Custo de Oportunidade.

 
GQRG – Esse é o Gasto por Quilômetro Rodado Global que inclui além da desvalorização do veículo e os custos fixos do GQRM, os gastos com combustível e manutenção do GQRE e os custos gerais e ou opcionais que dependem ou não da utilização direta do veículo mais o Custo de Oportunidade.

 

Complicado? Nem tanto.

Para entender melhor como funcionam esses cálculos, estarei postando aqui mês a mês o GQRM GQRE e GQRG do veículo JAC J2 do nosso colaborador Eder Matias para que nossos leitores possam acompanhar a evolução dos gastos.

Para quem deseja acessar a fórmula de cálculo, clique aqui.

 

Ricardo Rico

Rico Avalia

3 thoughts on “GQR – GASTO POR QUILÔMETRO RODADO”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Arquivos

Nosso Feed