11/05/2021

carros testados e avaliados

A falácia do carro híbrido
Carro Híbrido? Não se iluda com isso

 

Vira e mexe eu escuto alguém dizendo que vai trocar o carro por um mais econômico, é quase um mantra, a pessoa coloca na cabeça (ou colocam na cabeça dela) que ela “precisa porque precisa” comprar um carro mais econômico.

 

Pois bem, você pode ter “n” motivos para trocar de carro ou comprar o seu primeiro carro: porque enjoou do seu carro atual; porque ama determinada marca; porque lançaram um carro mais bonito no mercado; porque a família vai crescer e você precisa de um carro maior; porque você quer um carro mais potente; porque precisa de um carro com porta-malas maior; porque quer ter um carro mais confortável; porque ganhou na loteria; enfim, os motivos podem ser os mais variados possíveis. Entretanto jamais, veja bem, jamais troque de carro ou deixe te fazer acreditar que você precisa de um carro mais econômico, enfim, jamais compre um carro se o único motivo for ECONOMIA DE COMBUSTÍVEL pois você será enganado, bem ludibriado mesmo, confira:

 

Vamos pegar como exemplo o CARRO MAIS ECONÔMICO DO BRASIL rodando na cidade, o Toyota Corolla HYBRID, que possui motor 1.8 e consegue a proeza de fazer 16,3 km/l rodando em perímetro urbano com gasolina e para confrontá-lo vamos pegar o CARRO MAIS BEBERRÃO DO BRASIL com motor 1.8 rodando na cidade com gasolina, o FIAT Argo, também com motor 1.8 que faz apenas 9,7 km/l e vamos fazer as contas.

 

Qual o preço de um bom carro econômico?

 

Os dados da pesquisa foram retirados dos sites oficiais do INMETRO e Kelley Blue Book Brasil™ e como referência de preço foi escolhida a versão de menor preço disponível no site KBB. Para consulta dos dados oficiais basta clicar sobre o texto “em azul” abaixo:

 

Toyota Corolla 1.8 Altis Hybrid CVT
Consumo energético – 1,38 MJ/km | Consumo cidade – 16,3 km/l (gasolina) | Nota A
A partir de R$ 149.090,00 preço KBBB™
Este veículo possui o selo CONPET de eficiência energética. Para consulta: (clique aqui)

 

FIAT Argo 1.8 ­16V TREKKING Automático ­6
Consumo energético – 1,99 MJ/km | Consumo cidade – 9,7 km/l (gasolina) | Nota E
A partir de R$ 81.650,00 preço KBBB™
Este veículo NÃO possui o selo CONPET de eficiência energética. Para consulta: (clique aqui)

 

Agora vamos supor que a gasolina custe R$ 5,00 apenas para facilitar os cálculos

 

Rodando 323 mil km com ambos

 

Para rodar 323 mil quilômetros com o Corolla Hybrid serão precisos 19.816 litros ou R$ 99.079,75 com a gasolina a R$ 5,00
E para rodar os mesmos 323 mil quilômetros com o Argo vamos precisar de 33.299 litros ou R$ 166.494,84 ou seja, vamos gastar com o Argo R$ 67.415,09 a mais ao final dos 323 mil quilômetros. Acontece que a diferença de preço entre um e outro na hora da compra é de R$ 67.440,00

 

Resumindo, para que você comece a ter vantagem em ter comprado o seu maravilhoso carro híbrido é preciso que você rode pelo menos 323 mil quilômetros, isso porque usamos como referência o carro mais beberrão do mercado com o mesmo motor 1.8 do Corolla, se o seu carro faz mais de 9,7 km/l na cidade rodando com gasolina e se além disso o seu carro custar menos do que custa um Argo com motor 1.8 você precisará rodar milhares de quilômetros a mais com o carro híbrido para compensar. Se você rodar 30 mil km por ano levará mais de 10 anos para rodar 323 mil km, sem contar que em 10 anos é capaz que você precise adquirir um novo conjunto de baterias para o carro hibrido que normalmente custa uma pequena fortuna.

 

Algum defensor do carro hibrido ainda poderá dizer que eu não fui honesto e comparei carros de marcas diferentes e tal, pois bem, vamos então comparar com o próprio Corolla:

 

Comparando com o próprio Corolla

 

Toyota Corolla GLi 2.0 16V CVT
Consumo energético – 1,73 MJ/km | Consumo cidade – 11,6 km/l (gasolina) | Nota A
A partir de R$ 116.690,00 preço KBBB™
Este veículo possui o selo CONPET de eficiência energética. Para consulta: (clique aqui)

 

A diferença de preço entre um e outro na hora da compra é de R$ 32.400,00 e para compensar esse valor investido a mais será preciso rodar pelo menos 260 mil quilômetros, confira:

 

Corolla HYBRID 260 mil km – são necessários 15.951 litros ou R$ 79.754,60
Corolla GLi 260 mil km – são necessários 22.414 litros ou R$ 112.068,96 – diferença de R$ 32.314,36

 

Resumindo, para que você comece a ter vantagem em ter comprado o seu maravilhoso Corolla HYBRID ao invés do Corolla GLi 2.0 é preciso que você rode pelo menos 260 mil quilômetros, ou seja, o carro híbrido precisa custar bem menos do que custa hoje para que seja vantajoso comprá-lo. Se você rodar 30 mil km por ano levará quase 9 anos para empatar o valor investido e começar a levar vantagem.

 

E se você leu até aqui e ainda assim vê vantagem em comprar um carro híbrido vá em frente, não passe vontade, só não poderá dizer depois que não foi alertado.

 

É isso ai pessoal, até a próxima!

 

Ricardo Rico
Membro da equipe Avalia Carros, Ricardo Rico é Instrutor de Trânsito formado pelo CEVAT credenciado pelo DETRAN/SP e também é DOV – Despachante Operacional de Voo.

 

Viu a avaliação anterior?
Acesse:

Avaliando | A falácia do carro híbrido

 

O Avalia Carros é uma iniciativa independente e como tal está aberto às propostas de negociação para parcerias de colaboração e publicidade, caso seja de seu interesse deixe recado nos comentários que entraremos em contato.
Equipe Avalia Carros

 

Rico Avalia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Arquivos

Nosso Feed