29/10/2020

carros testados e avaliados

Renault Sandero com DRL - Daytime Running Light
Renault Sandero Zen 1.0

 

No começo do mês (04SET20) precisei de um carro para ir a São Caetano do Sul/SP e o carro locado desta vez foi um Renault Sandero Zen com motor 1.0

 

Comentários Gerais:

 

Pontos Positivos:

1 – Possui DRL – Daytime Running Light, que significa luz de rodagem diurna, ou seja, não há necessidade de lembrar de acender os faróis baixos na rodovia durante o dia, show.
2 – Teclas “um toque” no comando dos vidros dianteiros.
3 – Regulagem de altura do ponto de fixação na coluna do cinto de segurança do motorista.
4 – Chave de contato com perfil dobrável (tipo canivete)
5 – Sistema de ar condicionado te obedece em qualquer situação, não tem vontade própria
6 – Regulagem de angulação da coluna de direção
7 – Regulagem de altura do assento do banco do motorista
8 – Multimídia com tela sensível ao toque e que aceita o meu aparelho de MP3 (imagem abaixo)
9 – Tapete do motorista original do carro com travas antideslizantes (imagens abaixo)

Uma das melhores multimídias para carros populares

 

Avaliando o tapete original do Renault Sandero Zen 1.0

 

Avaliando o tapete original do Renault Sandero Zen 1.0

 

Pontos Negativos:
1 – Odômetro incapaz de marcar corretamente a quilometragem rodada, defeito grave. A diferença é de 8 a 9 km a menor a cada 596 km, ou seja, de 80 a 90 km a cada 5.960 km ou de 800 a 900 km a cada 59.600 km
2 – Computador de bordo não informa a autonomia abaixo de 70 km, outro defeito grave. Quando você mais precisa saber quantos quilômetros ainda pode rodar até o próximo abastecimento, ele te deixa na mão.
3 – Falta uma 6ª marcha no câmbio para que o motor trabalhe mais folgado e menos barulhento na rodovia
4 – Os vidros das portas dianteiras não são fechados quando se aciona o alarme do carro pelo controle da chave de contato, ou você os fecha antes de descer do carro, ou vai ter que voltar ao carro e ligar o contato novamente para subir os vidros.
5 – Vidros das portas traseiras não são elétricos.
6 – Unidade reprovada em segurança pelo Latin NCAP VIN 93Y5SRZ85LJ134255 (número do chassi do carro)
7 – Calotas dianteiras diferentes das calotas traseiras (imagens abaixo)

 

Avaliando a calota da roda dianteira do Renault Sandero Zen 1.0

 

Avaliando a calota da roda dianteira do Renault Sandero Zen 1.0

 

Avaliando a calota da roda traseira do Renault Sandero Zen 1.0

 

Considerações Finais: Em termos de desempenho o carro me surpreendeu, além de cumprir o Desafio dos 600 km, ao menos com apenas 1 ocupante a bordo aguentou o tranco da viagem rodando mais de mil km sem ratear em nenhum momento mesmo nas subidas mais íngremes da BR-381 Rodovia Fernão Dias. Por incrível que pareça ele rateia apenas na cidade em baixas rotações, sim porque o motor desse carro possui 4 válvulas por cilindro, é um motor 3 cilindros mas com 12 válvulas, então ele tende a ratear em baixas rotações, sobretudo nas saídas de semáforo.

 

A pergunta crucial: Independente de preço ou poder aquisitivo, você compraria este carro? NÃO em absoluto. O carro tem algumas soluções agradáveis e interessantes, mas a suspensão mole demais, o fato dele não conseguir registrar corretamente a quilometragem rodada e sobretudo um computador de bordo ineficiente que não informa o quanto ainda se pode rodar na hora de maior aperto quando se está quase sem combustível é ruim demais.

 

Resoluções: Procurarei alugá-lo novamente para comprovar os defeitos relatados, quero comprovar se são defeitos do carro ou apenas da unidade locada. Na próxima oportunidade procurarei locar uma unidade mais nova com menor quilometragem para comprovar a moleza ou não da suspensão e com uma numeração de chassi aprovada em segurança pelo Latin NCAP. Por fim quero comprovar se o defeito do odômetro em não conseguir registrar corretamente a quilometragem rodada se era defeito da unidade locada ou um defeito crônico que atinge a todos os Renault Sandero afinal muita gente pode achar pouco uma diferença a menor de 8 a 9 km a cada 596 km na marcação da quilometragem rodada, entretanto não estamos falando de um carro barato ou doado, estamos falando de um veículo que custa a partir de R$ 55.990,00 zero KM preço KBBB™

 

Recomendações: Aos proprietários de Renault Sandero recomendo conferirem se suas unidades apresentam esse defeito de marcação errônea da quilometragem rodada e caso seja confirmada exijam um Recall da Renault para a correção do problema. Recomendo igualmente que ao menos uma vez rodem além do limite da reserva para que possam comprovar a capacidade real do tanque de combustível, se de fato o tanque possui mesmo 50 litros de capacidade ou se vocês estão sendo ludibriados por donos de postos de combustíveis com bomba fraudulenta. No posto que abasteci entraram 57,7 litros de combustível, logo a fraude é de 7,7 litros a cada 50 litros abastecidos, ou seja, a fraude se comprovada é de 1,5 litro a cada 8,5 litros abastecidos. O posto fica com 1,5 litros a cada 10 litros que a bomba registra. Você paga 10 litros mas no tanque só entra 8 litros e meio, o posto fica com 1 litro e meio dos 10 litros que você pagou. Se você é daqueles que para no posto de combustível e manda colocar sempre R$ 20 ou R$ 50, não vai descobrir nunca se o posto está lhe enganando ou não. Faça assim: depois de rodar além da reserva, quando você tiver certeza que o tanque esteja quase vazio, pare no posto e mande encher o tanque até o destravamento do gatilho da bomba, se entrar mais litros do que informa a capacidade do tanque no Manual do Proprietário certamente você está sendo enganado. O frentista acusou a Renault de não saber e não informar corretamente a capacidade do tanque de combustível do Sandero no Manual do Proprietário, que segundo ele é um tanque com 60 litros de capacidade, quem tem razão? A fábrica ou o frentista?

 

Dados Complementares:

Altura 1,57m
Largura 1,73m
Comprimento 4,07m
Entre-eixos 2,59m
Porta-Malas 320 litros
Tanque 50 litros
Peso 1.035 kg
Ocupantes 5

 

Notas da avaliação:

5 – Sofrível | 6 – Abaixo das expectativas | 7 – regular | 8 – Bom | 9 – Excelente | 10 – extraordinário, espetacular

 

–> Design: 7 | o carro não é bonito e nem feio, é simpático

–> Conforto: 6 | não possui vidros elétricos traseiros e os dianteiros não sobem quando se aciona o alarme do carro

–> Acabamento: 7 | já vi piores mas também não é lá essas coisas

–> Espaço Interno: 8 | para até 4 ocupantes, acima disso começa a apertar

–> Porta-Malas: 7 | é pequeno mas está dentro da média da categoria

–> Consumo: 9 | consumo abaixo do esperado para etanol na rodovia

–> Motor e Câmbio: 7 | o motor é bom, falta uma 6ª marcha ao câmbio.

–> Atendimento da locadora: 0 | nota zero, me entregaram um carro reprovado em segurança pelo Latin NCAP.

–> Posto de combustível de Belo Horizonte: 0 | outra nota zero, o posto conseguiu a proeza de colocar 57,7 litros dentro de um tanque com capacidade máxima de 50 litros.

 

Nota geral do carro: 7

 

E assim termina a avaliação do Renault Sandero Zen 1.0
É isso ai pessoal, até a próxima!

 

Ricardo Rico
Membro da equipe Avalia Carros, Ricardo Rico é Instrutor de Trânsito formado pelo CEVAT credenciado pelo DETRAN/SP e também é DOV – Despachante Operacional de Voo.

 

Leu a segunda parte desta avaliação?
Acesse:

Avaliação | Sandero Zen | Test Drive Estendido

 

O Avalia Carros é uma iniciativa independente e como tal está aberto às propostas de negociação para parcerias de colaboração e publicidade, caso seja de seu interesse deixe recado nos comentários que entraremos em contato.
Equipe Avalia Carros

 

Rico Avalia

2 thoughts on “Avaliação | Sandero Zen | Comentários Gerais”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Arquivos

Nosso Feed